DICASGASTRONOMIALUGARES SECRETOS

Para comer como se fosse um Deus grego

Se der sorte, você pode ser recebido pelo simpático dono de 98 anos, Seu Trasso (apelido de Thrassyvoulos Georgios Petrakis). O salão é simples como um botequim e um pouquinho bagunçado. Em plena terça-feira, almocei ao lado de um casal de gringos da Polônia que estavam visitando o Brasil e tinham recebido a recomendação desse lugar, que fica em meio a muvuca do Bom Retiro.

cida souza 500x333 - Para comer como se fosse um Deus grego
Cida Souza

Os garçons são despojados, gritam de um lado para o outro para comunicar entre si. Não há cardápio por aqui. Para escolher o que quer almoçar, basta ir até a cozinha e ver pelo vidro o que mais apetece. Eu fui de musaka, a famosa torta de berinjela com carne moída e massa de batata e aquilo me bastou pois é grande! Não é um restaurante barato. 

IMG 4759 500x375 - Para comer como se fosse um Deus grego

Há muitas opções deliciosas para quem gosta de frutos do mar, com destaque para a salada de polvo que recebe rios de azeite despejados pelo próprio garçom, e a recomendação divina de sobremesa é a torta de maça. Não deixe de conhecer esse pedacinho da Grécia no Bom Retiro.

Acrópoles – Rua da Graça, 364

www.restauranteacropoles.com.br

Compartilhe!
Jessica Parizotto
Publicitária, vê o inconformismo como ponte para reflexão e evolução. Sonha em virar empreendedora, crítica de cinema e ir dormir sem ter que colocar o despertador para o dia seguinte. Acredita em dias melhores para São Paulo e sabe que a vida exige coragem, boas escolhas e um pouco de sorte para ser bem vivida. Ama checklists e acha que tudo fica mais fácil de realizar quando escrito no papel (ou em um blog), por isso está aqui.

Deixe uma resposta