CURIOSIDADES

São Paulo tem um dos vinte lugares mais descolados do mundo, segundo pesquisa

Levantamento do Skyscanner mostrou que bairro da capital é destino de jovens urbanos criativos.

Um levantamento realizado recentemente pelo portal Skyscanner mostrou que o bairro da Vila Madalena, na capital paulista, é um dos vinte mais descolados do mundo. São Paulo aparece na 14ª posição, à frente de cidades como Istambul, Lyon, Barcelona, Sidney, Tóquio e Dubai. A notícia reforça a característica da cidade como um destino antenado e vanguardista, que acompanha as tendências e atende aos mais variados gostos e estilos.

260216 527725 vila madalena. foto jefferson pancieri spturis 500x375 - São Paulo tem um dos vinte lugares mais descolados do mundo, segundo pesquisa
Bares bombam na Vila Madalena, famosa por sua agitada noite. Foto: Jefferson Pancieri/SPTuris.

Com o novo título, a metrópole passa a ser reconhecida como destinos dos Yuccie – termo que combina as palavras Young Urban Creatives (Jovens Urbanos Criativos) e que faz referência à nova geração do século XXI. Munidos do espírito empreendedor, esses jovens têm algumas características em comum: preferem montar o próprio negócio a trabalhar em cargos executivos de uma multinacional; preferem os lugares compartilhados, como galerias ou cafés, para o desenvolvimento de trabalhos criativos, aos lugares fechados, como escritórios; investem em aparelhos tecnológicos e em produtos gourmet e preferem os alimentos orgânicos em suas refeições.

Os yuccie se identificam com a Vila Madalena, localizada na região Oeste de São Paulo, já que detém ambientes descontraídos, galerias, centros culturais, cafés moderninhos, estabelecimentos que vendem produtos orgânicos, lojas de artesanato e os coloridos dos grafites que compõem a identidade da região.

vila madalena 500x333 - São Paulo tem um dos vinte lugares mais descolados do mundo, segundo pesquisa

Para o secretário municipal para Assuntos de Turismo e presidente da SPTuris, Wilson Poit, a Vila Madalena, de fato, é um case da cidade em economia criativa. Mas outras regiões também vêm se destacando. “Há polos criativos na região da avenida Paulista, rua Augusta, Tatuapé, Pompeia, Ipiranga, Jardins, Vila Olímpia e muitos outros. O próprio Centro e a Zona Leste estão se desenvolvendo bastante nesse sentido”, afirma. Poit.

Mais informações no site

Foto em destaque: Roberta Guedes

Compartilhe!
Miguel Garcia
the authorMiguel Garcia
Miguel Garcia é idealizador e coordenador de conteúdo do projeto. Publicitário, viajante, adora provar todos os tipos de comida, vinhos e cervejas e tem uma vontade imensa de fazer todos se orgulharem cada vez mais de viver em SP.

6 Comentários

Deixe uma resposta