CULTURACURIOSIDADESLUGARES SECRETOS

A primeira casa modernista de São Paulo

A primeira casa modernista de São Paulo, datada de 1928 ainda existe, é na verdade parte do Museu da Cidade e todos podemos visitar e conhecer a casa que causou furor na sociedade paulistana dos anos 1920.

casa modernista 1 - A primeira casa modernista de São Paulo
Foto Divulgação

A Casa Modernista fica na Rua Santa Cruz, na Vila Mariana em São Paulo, seu projeto é de autoria de Gregori Warchavchik, um arquiteto russo, que conclui seus estudos no Real Instituto de Belas Artes de Roma, ainda em 1920. Ele veio para o Brasil em 1923 para trabalhar na Companhia Construtora de Santos, ele também foi professor na Escola Nacional de Artes, no Rio de Janeiro e contribuiu muito ao Modernismo no Brasil, tendo escrito diversos artigos e manifestos.

modernista2 - A primeira casa modernista de São Paulo
Foto Divulgação

Em 1927, quando tomou forma o projeto da Casa Modernista, São Paulo vivia a urbanização e também a industrialização, a burguesia tomava forma, e os costumes da belle époque de Paris eram bastante comuns a parte da sociedade com maior poder aquisitivo da época.

casa modernista - A primeira casa modernista de São Paulo
Casa Modernista

Finalizada em 1928, a Casa Modernista ganhou esse nome porque foi a primeira construção do gênero na cidade de São Paulo, ela era a residência do arquiteto Gregori Warchavchik, que havia recém se casado com Mina Klabin, de família industrial e tradicional de São Paulo.

modernista4 - A primeira casa modernista de São Paulo
Foto Divulgação

Os relatos da época dizem que a Casa Modernista gerou grandes impactos aos círculos sociais e intelectuais da época, foram publicadas opiniões contrárias e favoráveis a seus aspectos em jornais de seu tempo, a casa era realmente muito diferente do convencional, não havia ornamentação, eram paredes brancas e prismáticas, o que levou o arquiteto que a desenhou para morar a criar uma fachada ornamentada para o projeto, para que fosse possível conseguir aprovação da prefeitura, porém, após aprovado, os ornamentos nunca chegaram até lá, seu proprietário alegou falta de recursos para esta parte da obra.

Após a dificuldade para aprovar o projeto, também não foi nada fácil na época encontrar o material necessário para a construção, como ferro, placas, tintas, maçanetas, e outros materiais que eram encontrados, mas tinham preços altíssimos, como vidro, concreto, e é claro, mão de obra.

modernista7 - A primeira casa modernista de São Paulo
Foto Divulgação

Além da belíssima casa, o jardim, projetado por Mina Klabin merece destaque, ela foi pioneira no uso de árvores tropicais! A casa passou por reformas em 1935, conforme a família foi mudando, com a chegada dos filhos algumas mudanças foram necessárias. Durante o período da 2ª Guerra Mundial, o jardim foi ampliado, ganhando um bosque de eucaliptos, que Mina colocou junto ao muro frontal, resguardando a família do Hospital Nipo-Brasileiro que estava sendo construído em frente à casa.

modernista10 1 - A primeira casa modernista de São Paulo

A família residiu na Casa Modernista até 1970, quando a vendeu. Em 1983, uma construtora tentou construir um condomínio na área, mas foi combatida veementemente pela população do entorno, que se mobilizou para defender a casa e sua área verde. Essa mobilização chegou ao Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico, Artístico, Arqueológico e Turístico do Estado de São Paulo, que tombou a casa em 1984, seguido pelo tombamento por parte do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional.

casa modernista3 sylvia masini pi - A primeira casa modernista de São Paulo
Foto Divulgação

Após muitos anos de abandono, nos anos 2000, mesmo com pouco orçamento, foi iniciada reforma na casa Modernista, em 2008 a casa passou a ser de propriedade da Prefeitura de São Paulo, que realizou diversas obras, e a abriu para visitação.

Atualmente, a Casa Modernista é parte do Museu da Cidade de São Paulo e conta com espaços de convivência, promoção de cultura, programação musical e equipe de educadores patrimoniais.

Vale a pena conhecer a primeira casa modernista de São Paulo!

Serviço:
Endereço: Rua Santa Cruz, 325 – Vila Mariana – zona Sul – São Paulo.
Horário de funcionamento: terça a domingo, das 9h às 17h.
Telefone: (11) 5083-3232.
Site

Compartilhe!
Redação SP City
Um projeto que tem a cara de São Paulo :)

6 Comentários

Deixe uma resposta