CULTURARAPIDINHAS

Uma playlist para viver São Paulo!

São Paulo vive musicalidade, os sons de seus becos e ruas, largas avenidas e estações. Vive a vida como nenhuma outra cidade poderia viver. De noite e de dia a linguagem falada toma conta dos cantos, das esquinas, das quinas. Uma verdadeira orquestra urbana, inspiradora, serenata noturna.

destaque tumblr - Uma playlist para viver São Paulo!

Como não ouvir? Como não gostar de toda essa sinfonia?

Os ritmos da cidade caminham em uma única direção. O som que chega é o mesmo da partida, todos em sintonia, representando a paixão pela metrópole. É tanta informação que o síncrono se confunde com o assíncrono, resultado da grandeza de São Paulo. Como definir tudo isso?

music pinterest - Uma playlist para viver São Paulo!
Foto: Pinterest

Para entender, ou se confundir ainda mais, perdendo-se na imaginação de tanta paixão, é que selecionei algumas canções singulares para decifrar os códigos de São Paulo. Para ir às ruas após ouvi-las e vivê-las na prática, in loco. Musicalidade para se apaixonar, para viver a paixão de viver em SP.

Confira :

São, São Paulo – Tom Zé

Um clássico do 4º Festival de MPB da Tv Record, em 1968. O teatro vibrava com São Paulo.

Sampa – Caetano Veloso

Duas ruas, uma única história. A esquina mais famosa da cidade.

tumblr n4fy1m0nf01r238sko1 500 300x450 - Uma playlist para viver São Paulo!
Foto: rebloggy.com

As mina de Sampa – Rita Lee    

Um estilo de vida paulistano. A praia de paulista é o Ibirapuera!  

Augusta, Angélica, Consolação – Tom Zé

Entre você e a Angélica eu encontrei a Consolação.

Trem das Onze – Adoniram Barbosa

O famoso expresso. Boêmia e Tradição.

Lá vou eu – Rita Lee

Vamos?

Não Existe Amor em SP – Criolo

Sim, existe! 🙂

São Paulo, São Paulo – Premê

E você, qual sua música preferida sobre São Paulo? Contribua com sua dica e criaremos um playlist no Spotify.

Compartilhe!
Iago Furtado
the authorIago Furtado
Apaixonado por São Paulo. Paulistano de coração, paulista por vocação. Traz em sua bagagem pouco mais de vinte anos no estado, quatro em Santa Catarina, além de uns pulos por ali e outros por aqui.Articulista nato, tem pela escrita uma vivência. Já foi blogueiro, pequeno colunista e sempre um amante da arte das palavras. Um pouco de tudo. Contato: [email protected]

1 comentário

Deixe uma resposta